Como melhorar a Velocidade da Internet

Como melhorar a Velocidade da Internet
O primeiro item a ser entendido é que a velocidade contratada na operadora não vai aumentar com a compra de um roteador novo.
O aparelho pode ampliar o sinal Wi-Fi, além de melhorar a velocidade de conexão entre dispositivos dentro da própria rede.
Com isso, não é porque o roteador promete chegar a 700 Mbps que a Internet terá essa taxa de download.

O roteador, no entanto, está diretamente ligado à qualidade de conexão, principalmente para quem usa Internet sem fio. Quando se trata de redes wireless, quanto mais distante o dispositivo estiver do roteador, mais vulnerável a interferências estará o sinal.
Investir em atualizar os equipamentos da sua rede pode valer a pena.

Como melhorar a Internet no PC



Melhorar a taxa de download é mais difícil, já que está diretamente ligada à banda contratada.
Existe, porém, alguns truques que podem tornar a conexão um pouco mais rápida.
- Limpar os dados da conexão, por exemplo, é bem útil.
Embora cookies possam acelerar o carregamento de páginas, a navegação pode ficar mais lenta com o acúmulo de arquivos temporários.

O CCleaner é um dos programas mais indicados para limpar o PC.
A infestação de anúncios causada pelos adwares também pode deixar o carregamento de páginas mais lento. Por isso, sempre que considerar a publicidade invasiva em excesso, verifique a presença de programas desconhecidos no PC. O programa MalWarebytes pode lhe ajudar nisso.

O problema é ver vídeos na Internet? Há programas como o SpeedBit Video Accelerator, que utiliza algoritmos para otimizar a conexão da máquina com o site hospedeiro do vídeo, diminuindo o tempo de carregamento.

Já para quem faz muitos downloads, é possível baixar um acelerador de download de forma rápida. Programas como esse "quebram" os arquivos em pequenas partes para facilitar o procedimento.

O DNS também tem papel fundamental no tempo de resposta e, consequentemente, na velocidade do carregamento de páginas na Internet. Aplicativos como o Namebench, desenvolvido pelo Google, podem ajudar a encontrar o melhor servidor DNS para a conexão.

Outras dicas:


1) Fragmentação do HD: Você já deve ter desfragmentado o HD alguma vez, certo? Se não, é bom pensar nisso. Quanto mais fragmentado for o computador, mais tempo leva para "juntar" os fragmentos dos programas. Consequentemente, mais tempo para ser executado. Tome o cuidado de deixar sempre o seu HD desfragmentado. Assim, você verá que o desempenho da internet também irá melhorar.

2) Não instale muitos plugins: Os plugins que são possíveis instalar no computador podem ser muito úteis e facilitar nossa vida, mas tenha em mente que instalar um grande número de complementos pode prejudicar a velocidade de sua conexão. Existe também a possibilidade de dois aplicativos criarem conflito um com o outro e prejudicar o navegador. Veja quais plugins são realmente necessários e mantenha um controle de suas instalações, além de mantê-los sempre atualizados.

3) Cuidado com o número de abas abertas no seu navegador: Se você é daquelas pessoas que, como eu, não sabe navegar na internet sem estar com várias janelas abertas, já deve ter levado bronca de alguém, certo? Pois bem, já levei várias, mas não perco o costume de ter várias coisas abertas ao mesmo tempo. Se for o seu caso também, prefira deixar apenas abas abertas, nunca várias janelas. Mas claro, não exagere no número, sua velocidade pode ficar comprometida mesmo assim. Quanto maior o número de abas, mais recursos são utilizados e mais lento é o funcionamento.

4) Use um navegador mais rápido: Se você usa o Internet Explorer pode estar tendo dificuldades em navegar. O fato disto é por que ele demora para processar todas as informações das páginas. O aconselhável é utilizar o navegador Chrome, que além de ser muito mais rápido também é muito mais seguro. Download do Google Chrome.

5) Memória sobrecarregada: O sobrecarrego da memória RAM não deixa apenas o seu computador lerdo, mas também a velocidade da internet. Assim, é primordial não usar vários programas ao mesmo tempo. Tenha sempre aberto os principais, apenas aqueles que você realmente precisa usar naquele momento.


Colaboração: Oficina da net